Categoria Economizar

porFernando Pinheiro

Como Receber em dólares para usar o navegador Brave.

Nesta matéria irei mostrar um navegador que veio competir com o Goole Chrome, Safari, Internet Explorer e outros navegadores utilizando um sistema de recompensa em Tokens, além de fornecer maior privacidade e segurança para seus usuários

O que é o Navegador Brave?

Considerado uma alternativa para o Google Chrome, o navegador Brave, enraizado em blockchain, procura ser mais rápido, seguro e lucrativo para seus usuários.

Navegador o qual pode ser feito o download aqui, ficou famoso no mundo crypto pelo fato de tokenizar a atenção dos seus usuários, por meio dos anúncios.

Dito por outras palavras, enquanto você continua a fazer suas tarefas cotidianas com o navegador como abrir e-mail, ver notícias, se comunicar, o brave pontualmente lhe dispara pequenas caixas de propagandas de empresas – em geral aquelas que adotam criptomoedas – e lhe recompensa por meio do seu token BAT.

O que significa BAT?

Basic Attention Token, é a moeda de troca que o brave lhe recompensa por dar atenção aos seus anúncios, até o momento, o token está sendo cotado a $0,82 – oitenta e dois centavos de dólares, cuja valorização foi de 400% no último ano, conforme se vê na figura abaixo. O valor de mercado deste token ultrapassa 1 bilhão de dólares.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O que é necessário para receber em dólares por usar o brave?

É importante ressaltar que, para que você receba o BAT, que pode ser trocado por USDT (dólares tokenizados) em dezenas de corretoras, é necessário uma carteira em BAT, por isso, é necessário vincular o navegador Brave ao Uphold, uma exchange a qual vincula sua wallet BAT com o navegador.

Como abrir uma conta na uphold e vincular com o brave?

Escrevi sobre a Uphold, mostrando como abrir uma conta por este link. Na ocasião comentei como adquirir ações de grandes empresas via blockchain, por um custo de spread bem mais abaixo do que pelos moldes tradicionais, clique aqui e veja a postagem na íntegra.

Qual a frequência de pagamentos e valores a receber com o navegador brave?

A frequência de pagamentos e valores são variáveis, dependendo, como mostrado acima, do valor cotado do token e utilização do navegador, que pode ser configurado para mostrar uma quantidade maior ou menor de anúncios por hora. No mês que mais utilizei a internet este ano, em maio, o navegador me recompensou em 5,25 Bat.

Quais as vantagens implícitas o navegador oferece além do incentivo econômico?

O navegador bloqueia anúncios externos, scripts entre outros elementos que podem ser intrusivos, colhendo dados dos usuários. Este é um dos mecanismos que chamam a atenção do navegador, enquanto outros navegadores instalam scripts e colhem dados dos usuários a fim de direcionar propaganda de terceiros, sem lhe remunerar com isso, o Brave protege contra estes scripts e propagandas e lhe remunera por aqueles que exibe.

Ainda oferece suporte a SSL seguro, sincroniza favoritos e promete ser mais rápido, o que, ao menos por experiência própria, realiza.

Conclusão

Utilizar o navegador Brave nos introduz à nova economia blockchain de maneira leve, não intrusiva, remunerando seus usuários com o Token BAT, que se valoriza mês após mês, ao mesmo tempo que oferece maior velocidade e segurança, sendo um forte concorrente a outros navegadores existentes.

porFernando Pinheiro

Como obter até 90% de desconto em dívidas

Nesta matéria, mostrarei algumas opções em obter descontos em dívidas, bem como a relação que estes descontos têm com sua situação financeira. Meios de minorar a possibilidade de endividamento também serão descritos, a fim de evitar o dissabor deste constrangimento que implica tanto na qualidade de vida do brasileiro.

Quais tipos de dívidas podem obter o desconto?

Praticamente todos os tipos de dívidas podem obter descontos de 50, 60, 70, 80 e até 90% por meio dos mecanismos que vou descrever a seguir. As dívidas podem ser de imóveis, financiamentos de carros, limite de cheque especial, empréstimos, consignados entre outros.

Quais os meios mais comuns de resolução deste litígio?

Os meios mais comuns, via esfera administrativa, para resolver problemas de ordem financeira são os mecanismos propostos pelas próprias financeiras, bancos ou empresas de telefonia, por exemplo, caso as dívidas forem nesta área.

Método 01: por meio da própria empresa a qual contraiu a dívida

Caso tenha dívida com um banco específico, basta digitar o nome do banco no Google e colocar a frase seguinte: “renegociação” e logo irão aparecer as opções, via Internet, de logar no banco em questão e verificar as opções de negociação ou renegociação disponíveis.

Método 02: por meio de “feirões limpa nome”

Há diversas empresas atualmente as quais conseguem, por meio do cadastro público de inadimplentes e acessos aos registros no Banco Central, o qual detém a situação do CPF de cada brasileiro, diminuir bastante as dívidas no referido CPF, especialmente se a empresa a qual a dívida se mantém disponibilizou alguma renegociação. É o caso do SERASA, por meio deste link: https://www.serasa.com.br/limpa-nome-online/.

Método 03: por meio da consulta de um contador ou advogado

Embora os administradores de formação consigam avaliar a situação financeira da pessoa, dadas as receitas, despesas e outros fatores, os contadores e advogados possuem meios específicos e assertivos de resolver litígios desta natureza, solicitando extratos e documentos que possam ensejar resolução judicial, em especial se o atendimento das empresas prestadoras de serviço, de qualquer natureza, forem falhos e insuficientes.

Quais tipos de empresas são mais propícias a acordarem com os descontos?

Grandes empresas de telefonia e bancos são aquelas as quais possuem estrutura e processos ágeis para resolução de conflitos, seja por meio do próprio website da empresa ou via 0800. Embora sejam justamente aquelas as quais mais aparecem encabeçando a lista de reclamações pelo consumidor, em geral, com menos de 6 meses a 1 ano a maioria dos problemas podem ser resolvidos, em especial se o caso for de pequena monta, relativo a pessoas físicas. A lista das empresas com mais reclamações podem ser acessada aqui:

São Paulo: aqui https://www.procon.sp.gov.br/procon-sp-divulga-empresas-mais-reclamadas/

Brasília: http://www.procon.df.gov.br/reclamacoes-fundamentadas-2020/

Paraná: http://www.procon.pr.gov.br/arquivos/File/Cadastro_geral.pdf

Quais são as formas de quitação das dívidas ou diminuição drástica deste passivo?

Com a popularização do PIX, uma vez a dívida sendo negociada via Portal da empresa a qual a dívida foi contraída, ou por meio do Portal de “feirão limpa nome”, basta o cliente ter aplicativo do seu banco para pagar os respectivos boletos via PIX.

Às vezes ocorre a reversão da dívida, ou eliminação do cadastro de inadimplentes por inclusão indevida, ou cobrança abusiva, sendo a dívida extinta sem o pagamento em dinheiro, mas estes são casos específicos que devem ser analisados por peritos citados acima, não formam a maioria ou processo natural das coisas.

Que relação a diminuição das dívidas possuem com a saúde financeira familiar?

O montante das dívidas têm relação direta com a saúde financeira familiar do indivíduo, uma vez que, contabilmente, elas podem drenar todas as receitas do indivíduo, independente da quantia que este venha a ganhar. As dívidas têm o fator de aumentarem com o tempo quando não pagas, devido ao fator do juro composto, o que pode se tornar um pesadelo, diminuindo as experiências que agregam na vida da pessoa, como viagens, aquisição de bens, bem como não permite a correta administração daquilo que a pessoa já possui em sua competência, como veículos, imóveis ou empresas, seja por falta de pagamento de impostos ou simples manutenções.

Como diminuir as probabilidades do monstro das dívidas assombrar nossa vida financeira?

O correto entendimento de educação financeira ajuda muito no processo, planilha de receitas e despesas com lançamento semanal de cada item gasto ou recebido, leitura de livros na área, blogs e fóruns, investimento na capacitação profissional, ainda que aparentemente “cara” no momento presente, pode trazer bons frutos em um futuro próximo, diminuindo as probabilidades de endividamento na medida em que as receitas aumentam.

O conhecimento de si mesmo, é um fator que corrobora neste processo na medida em que a satisfação de gostos pessoais pode ser mais recompensadora do que aquisição de grandes e comuns bens bens de luxo.

Conclusão

As dívidas são comuns na vida de qualquer pessoa, embora o ideal seja comprar todo e qualquer bem à vista, o parcelamento de um ou mais bens somados com inadimplência de uma parte destes bens pode se tornar um pesadelo, no entanto, educação financeira, conhecimento técnico e bom assessoramento podem minimizar os riscos de perdas significativas, a quitação total destas dívidas ou redução destas dívidas por meio de descontos, implica em melhora da qualidade de vida das famílias.

fonte da imagem: by Karolina Grabowska from Pexels

porFernando Pinheiro

Vantagens e desvantagens de investir em ouro

Neste post você aprenderá quais vantagens e desvantagens de investir em ouro, vai entender porque ainda é considerado um bom investimento, em especial em épocas de crise, bem como como comprar o ouro em suas diversas formas de aquisição.

Por que investir em ouro? vale a pena?

Como muitos outros ativos que você pode escolher para investir, o ouro é uma mercadoria. No entanto, as pessoas tendem a colocar sua fé no ouro mais prontamente do que em outros ativos, já que o ouro é uma das mercadorias mais antigas do mundo.

Você pode investir em ouro de várias maneiras diferentes. Existem opções entre investimentos físicos, virtuais e adjacentes em ouro. Certifique-se de aprender as diferenças entre esses tipos de investimentos (e seus riscos e retornos potenciais) antes de começar a comprar ouro de qualquer forma.

O valor do ouro pode mudar rápida e frequentemente. Essas mudanças tornam os investimentos baseados em ouro uma escolha ruim para pessoas que estão ansiosas com o desempenho do dia-a-dia. Portanto, você só deve investir em ouro se conseguir lidar com uma jornada acidentada que promete momentos de risco, mas promete um retorno potencial substancial no final da estrada.

Ouro como uma proteção contra a desvalorização do real

A ideia de que o ouro preserva a riqueza, é ainda mais importante em um ambiente econômico em que os investidores enfrentam a queda do valor do real e o aumento da inflação. Historicamente, o ouro tem servido como proteção contra esses dois cenários. Com o aumento da inflação, o ouro normalmente se valoriza. Quando os investidores perceberem que seu dinheiro está perdendo valor, eles começarão a posicionar seus investimentos em um ativo tangível que tradicionalmente mantém seu valor.

Ouro como um refúgio seguro

Quer sejam as tensões no Oriente Médio, na África ou em qualquer outro lugar, está se tornando cada vez mais óbvio que a incerteza política e econômica é outra realidade de nosso ambiente econômico moderno. Por esse motivo, os investidores costumam ver o ouro como um porto seguro em tempos de incerteza política e econômica. Por que é isso? Bem, a história está cheia de impérios em colapso, golpes políticos e o colapso de moedas. Durante essas épocas, os investidores que possuíam ouro conseguiram proteger com sucesso sua riqueza e, em alguns casos, até mesmo usar a mercadoria para escapar de toda a turbulência. Consequentemente, sempre que há notícias de eventos que sugerem algum tipo de incerteza econômica global, os investidores costumam comprar ouro como um porto seguro.

Ouro como um investimento que diversifica a carteira

Em geral, o ouro é visto como um investimento diversificador. É claro que o ouro tem servido historicamente como um investimento que pode adicionar um componente diversificador ao seu portfólio, independentemente de você estar preocupado com a inflação, com a queda do real frente ao dólar ou até mesmo protegendo seu patrimônio.

Quais são as desvantagens de investir em ouro?

Se você investir em ouro, considere as seguintes armadilhas para certos tipos de investimentos em ouro:

  • Investir em barras de ouro ou moedas significa que você precisará armazená-los.
  • Os certificados de ouro não alocados podem desaparecer se um banco entrar em liquidação.
  • Comprar joias de ouro como um investimento pode levar tempo e muitas tentativas e erros.
  • Investir em ouro pode ser uma escolha ruim se você não tiver tempo ou paciência para ver seu investimento amadurecer. Você pode querer adiar o investimento em ouro se precisar de retornos rápidos ou se não tiver capital para um investimento significativo.

Como o preço do ouro é determinado?

O ouro, como qualquer outra mercadoria, é afetado pela oferta e demanda. Quando mais pessoas compram ouro, o preço sobe, e quando os investidores vendem ouro, o preço cai. A maioria das commodities sobe e desce em ondas à medida que mais de um produto entra no mercado, mas o ouro pode cair e subir na direção oposta.

O motivo pelo qual o ouro pode se comportar de maneira diferente de outras mercadorias é que o metal precioso inspira confiança. Quando outras commodities começam a falhar, as pessoas correm para comprar ouro porque acreditam que seu valor continuará alto. Essa demanda eleva os preços, criando automaticamente o efeito desejado e reforçando a confiança no ouro.

Acompanhe a evolução do preço do ouro no gráfico abaixo

 

Como adquirir o ativo?

Uma das principais diferenças entre investir em ouro há várias centenas de anos e hoje é que existem muito mais opções de investimento, tais como:

  • Moedas de ouro
  • Empresas que mineram Ouro (papéis)
  • Gold ETFs (papéis)
  • Gold Mutual Funds (papéis)
  • Gold Bullion (barras)
  • Jóias de ouro

Como você pode entender, no Brasil ainda é um mercado incipiente para comércio de ouro, em suas variantes, a maioria dos papéis listados acima são comercializados em dólares, pois são comprados fora do Brasil, a menos que queira comprar diretamente de detentores do ouro, como aqueles que possuem jóias, moedas ou barras de ouro.

Comprando ouro na Bolsa

Em suma, na Bolsa de Valores de São Paulo – B3, são oferecidos três contratos diferentes relacionados à operações de ouro. A diferença entre os contratos é basicamente a quantidade de ouro negociada em cada contrato.

Todos contratos de ouro podem ser comprados via home broker, através de seu sticker (código).

OZ1D – Ouro 250g
Esse contrato é o lote padrão dos contratos de ouro e essa é a única opção na qual o investidor pode optar por levar o ouro para casa. Na data de hoje, em novembro de 2020, esta opção só está disponível se o investidor dispuser de pouco mais de R$50.000,00

OZ2D – Ouro 10g
Esse contrato corresponde a uma fração do contrato padrão. Não há a opção de retirar o ouro, nesse caso. Esse contrato possui, portanto, menor liquidez. Neste caso, neste mês de novembro de 2020, para operar com este ativo o investidor precisa de pouco mais de R$350,00 para operar.

OZ3D – Ouro 0,225g
Esse contrato é semelhante ao OZ2D, sendo que a única diferença é o valor fracionado.

Esta documentação pode ser vista aqui.

 

Comprando Ouro em DTVM, a fim de receber no conforto de sua casa

Agora, se a opção for levar o ouro para casa, a saída é negociar diretamente com empresas como Ouro Minas DTVM e Marsam DTVM, que são distribuidoras do metal, e não exigem custódia em bancos.

Conclusão

Chamamos o ouro de investimento, mas na verdade, se trata de uma reserva de valor, não gera dividendos, mas, como seu valor cresce muitas vezes acima da inflação, para ser mais claro, quanto maior a inflação maior seu preço, o ouro pode ser visto como uma ótima maneira de proteger o capital, salvaguardar o patrimônio, ainda que apresente riscos como possibilidade de roubos e não transformação imediata em dinheiro, caso o tenha em barras ou moedas. Se o seu principal interesse é usar a alavancagem para lucrar com a alta dos preços do ouro, o mercado futuro pode ser sua resposta, mas observe que há um risco considerável associado a quaisquer participações baseadas na alavancagem.

 

 

porFernando Pinheiro

Vantagens e desvantagens de investir em prata

Saiba como e porque investir em prata, bem como suas vantagens e desvantagens, entenda porque o investimento em prata é único, ainda que não seja o único material precioso na natureza, como o ouro e o diamante.

Por que investir em prata?

Com a economia global em uma situação imprevisível, não é surpresa que o comércio de metais preciosos tenha disparado. O ouro está no limite de seus maiores máximos, com os comerciantes migrando para um porto seguro mais tradicional, como é comum em tempos de incerteza econômica.

Não apenas o ouro, porém, está vendo um aumento na demanda. O comércio de prata, muitas vezes visto como o segundo metal precioso mais popular para o comércio, saltou para seu próprio recorde de vários anos. Negociada por perto de US $ 28, a prata avançou quase 30% somente neste ano. Com isso em mente, você deve estar se perguntando como entrar em ação? Temos tudo o que você precisa saber sobre como começar a negociar prata, além de tudo o que você precisa saber sobre o mundialmente famoso metal precioso.

O que influencia os preços da prata?

Ao contrário do ouro, que permanece praticamente inalterado pelos movimentos usuais de oferta e demanda, os preços da prata podem flutuar com base em vários fatores. Nesse sentido, a prata desempenha um papel duplo. Sim, tem características semelhantes no sentido de ser visto como reserva de valor e, em certa medida, um investimento porto-seguro, embora o seu valor também possa ser fortemente influenciado pela procura dos setores que utiliza.

Força da moeda: semelhante à relação que você verá entre a moeda principal (USD) e o ouro, a prata também tem uma relação inversa com o dólar. Isso significa que, quando o dólar está fraco, os preços da prata tendem a subir. O oposto também é verdadeiro: em tempos de dólar americano forte, o preço da prata tende a cair.

Política fiscal: aqui podemos usar a política fiscal como um apanhado, não apenas para a inflação e as taxas de juros, mas também para a política governamental de compra de barras de prata. Todas as três coisas podem fazer muito para alterar o preço da prata. É uma grande proteção contra o aumento da inflação, enquanto taxas de juros mais baixas também tendem a levar as pessoas a investir em prata e outras commodities.

Demanda prática: O outro lado da prata é que ela é amplamente utilizada na indústria. Isso é particularmente verdadeiro em aparelhos elétricos, dispositivos médicos e circuitos. A demanda nesses setores também é um fator chave nos preços de mercado do metal precioso.

Vantagens dos investimentos em prata

A prata tem algumas vantagens distintas como um investimento negociável:

  • É mais barato que ouro. Você pode obter tanta proteção contra crises com a prata quanto com o ouro a 1/17 do preço.
  • Você pode vendê-lo em parcelas menores. Às vezes, você pode precisar vender alguns ativos de investimento para cobrir uma despesa. Em vez de vender uma onça inteira de ouro, você pode lucrar com uma denominação muito menor de prata.
  • É um ativo otimista. Em um mercado em alta, os preços da prata sobem muito mais rápido que o do ouro.
  • É melhor do que dinheiro. Esta é uma boa razão para possuir alguma prata física. Prata e ouro são as formas mais verdadeiras de dinheiro porque você não pode reproduzi-los facilmente. A prata é original e rara. Robert Kiyosaki refere-se a prata e ouro como dinheiro Divino, pois é gerado na natureza, sempre aumenta de preço, dinheiro de papel é gerado pelo homem e se desvaloriza om o tempo (inflação)
  • É um ativo escasso e limitado.  Assim como o Bitcoin, a prata apresenta uma das características principais de um ativo ser considerado dinheiro de verdade, que é ser escasso, não sendo disponível a todos, e limitado, sendo sua produção/extração de difícil aquisição, sendo uma espécie de raridade. O dinheiro de papel não tem esta característica no sentido de poder ser impresso à vontade pela vontade dos governos.

Desvantagens dos investimentos em prata

Alguns dos atributos de prata contribuem para suas desvantagens. A maioria das desvantagens se aplica à propriedade física de prata:

  • É um ganhador pobre. A prata é principalmente um investimento de salvaguarda. Para retornos apreciáveis, ele não tem um desempenho tão bom quanto o imobiliário e outros investimentos.
  • Não é líquido. É raro que você possa trocar prata física por produtos em sua cidade. Você precisa converter prata física em dinheiro, e isso pode demorar um pouco.
  • O roubo é possível. Manter prata física implica o risco de perda ou roubo.

Veja o Histórico de preço da prata em dólares

Em especial por causa da crise mundial, commodities como a prata tem valorização substancial

 

Onde adquirir prata?

A primeira maneira mais simples que considero é comprar o metal via moedas ou barras, estas podendo ser encontradas no Mercado Livre ou diretamente com vendedores do material, desta forma o ativo é encontrado de forma mais acessível, lembrando que a prata utilizada como investimento é a chamada 999 (99,9%), que significa seu grau de pureza, outros níveis de pureza como 70, 80% podem ser chamadas de prata de lei, mais utilizada para jóias ou componentes eletrônicos,  depois é via fundos de investimento que adquirirem papeis com lastro no metal. Ainda podemos investir diretamente no ETF SLV (iShares Silver Trust), que é um dos ETF’s mais famosos do mundo para o metal.

Fundos de investimento em prata

No Brasil é praticamente impossível encontrar um fundo de investimento em prata. Observando tal oportunidade, a Vitreo tem um fundo  voltado 100% ao investimento no metal.

Cobrando apenas 0,25% de taxa de administração e nenhuma taxa de performance, o fundo promete seguir a cotação da commoditie e se apresenta como opção mais prática no Brasil.

iShares Silver Trust

Para quem já possui cadastro em corretoras no exterior, basta procurar pelo ticker SLV e fazer seu investimento. Importante lembrar que para os brasileiro há isenção de imposto de renda para vendas totais de até 35 mil reais em bolsa estrangeira, um grande diferencial.

Conclusão

Sendo um minério bem mais barato do que o ouro, este ativo físico se torna uma oportunidade para pequenos investidores, os quais estão iniciando uma carteira de investimento ou ainda para quem quer diversificar, embora apresente riscos como preço volátil e possibilidade de roubo, como citado na seção vantagens e desvantagens, historicamente se mantém como um dos melhores ativos do mundo, devido a sua escassez e reserva de valor.

Imagem: Image by Walter Freudling from Pixabay

 

porFernando Pinheiro

Saiba tudo sobre o Minimalismo por meio da Resenha da Obra dos Minimalistas

Minimalismo: Viva uma Vida Significativa, de Joshua Fields Millburn e Ryan Nicodemus, relata como os autores encontraram felicidade e uma vida significativa depois de rejeitar o “sonho americano” de riqueza e sucesso e abraçar o minimalismo. Com base em suas experiências, eles oferecem uma fórmula para viver uma vida significativa, eliminando posses e enredos estranhos e, em vez disso, concentrando-se em viver de acordo com um conjunto específico de valores pessoais.

Acesse uma versão sumária de como viver uma vida minimalista adquirindo o livro dos autores aqui


Ambos os homens, que eram amigos de infância, alcançaram o sucesso pelos padrões convencionais na casa dos vinte anos – trabalharam 70 horas por semana e foram vendedores importantes de sua empresa, ganhando elogios, prêmios e promoções. Mas eles não se sentiram satisfeitos e, portanto, seguindo os ditames da cultura do consumidor, buscaram a felicidade comprando coisas – casas grandes, carros de luxo, roupas, móveis e os eletrônicos mais recentes. Isso os deixou se sentindo tão vazios e deprimidos quanto antes, com o fardo adicional de uma montanha de dívidas.

Eles sabiam que algo tinha que mudar e realizaram um intenso reexame de suas vidas. Eles examinaram sistematicamente suas vidas para descobrir por que estavam infelizes e o que precisava mudar.

Primeiro, eles identificaram dezenas de “âncoras” – coisas ou situações que os fizeram sentir-se presos . Em seguida, eles priorizaram categorizando suas âncoras como maiores ou menores. As principais âncoras eram hipotecas, certos relacionamentos, pagamentos de carros, dívidas importantes e suas carreiras. As âncoras menores incluíam contas a cabo e internet, dívidas menores e bens desnecessários.

Eles se livraram do maior número possível de âncoras , começando com suas dívidas, que chegavam à faixa de seis dígitos. Eles cortam gastos em viagens, jantares caros e férias e trocam seus carros e casas caros por outros mais baratos. Eles também classificaram e venderam bens desnecessários. Eles usaram a poupança para pagar suas dívidas ao longo de dois anos.

Depois de limpar a desordem em suas vidas, eles se concentraram nos “Cinco Valores” que determinaram serem necessários para uma vida significativa: saúde, relacionamentos, paixões, crescimento e contribuição para os outros.

Minimalismo Ideia principal 1: Dinheiro e empregos estressantes não são chaves para a felicidade.

Muitas pessoas crescem com a expectativa de que conseguir um “bom emprego” é tudo. Nessa perspectiva, o verdadeiro “sucesso” se baseia em quão bom é o trabalho – o que depende em grande parte do tamanho do salário.

Mas a verdade é: dinheiro não compra felicidade.

Até as pessoas ricas lhe dirão que mais dinheiro vem com mais problemas, inclusive sendo tão estressado que você recorre a comer confortavelmente, gasta dinheiro com aparelhos sem sentido e constantemente pensa no futuro sem nunca aproveitar o presente.

O sucesso costuma ter outro grande custo: poucas horas para gastar com os entes queridos. Muitas crianças de famílias de adultos orientados para o sucesso são criadas por ajuda contratada, apenas para que seus pais possam gastar mais tempo ganhando dinheiro.

Assim, na maioria das vezes, a única coisa que o dinheiro realmente compra é uma felicidade.

Pergunte a si mesmo: vale a pena ter algum trabalho estressante?

O co-autor Ryan Nicodemus fez essa pergunta enquanto trabalhava no que muitos considerariam um ótimo trabalho. Ele estava em ascensão, sendo promovido a uma posição gerencial, mas o papel veio com semanas de trabalho de 80 horas e enormes quantidades de responsabilidade e pressão. O que resultou foi debilitante ansiedade, estresse e depressão.

Atualmente, Nicodemos acredita que não há dinheiro para justificar o custo de um trabalho estressante para a sua saúde mental. No entanto, quando você está envolvido na mentalidade do trabalho é tudo, parece que você sempre precisa ganhar mais e mais dinheiro.

Nicodemos e seu co-autor, Joshua Fields Millburn, pensaram que ficariam felizes quando atingissem US $ 50.000 por ano. Mas, depois de atingir esse marco, a meta rapidamente chegou a US $ 75.000, depois US $ 100.000 e assim por diante. Em nenhum momento eles se sentiram satisfeitos.

Parte do motivo de querer mais foi que, à medida que o salário aumentou, também aumentaram seus compromissos e responsabilidades financeiras – na forma de empréstimos, carros e hipotecas. Eventualmente, foi o suficiente e ambos deixaram o emprego e decidiram viver com menos dinheiro.

Foi nesse ponto que Millburn e Nicodemos finalmente experimentaram a felicidade. Tudo graças à sua decisão de adotar um estilo de vida minimalista, trabalhando e consumindo menos.

Mas, como veremos nos resumos do livro adiante, o ethos minimalista é mais do que dinheiro e trabalho; trata-se de abandonar tudo o que o impede.

Minimalismo Ideia principal  2: Para começar sua mudança para o minimalismo, saldar suas dívidas e organizar seu ambiente.

Se você se perguntar: “Quais são as âncoras que estão me arrastando para baixo?” a resposta pode não ser prontamente aparente. Mas há uma boa chance de você ter alguma forma de dívida, seja uma hipoteca, cartões de crédito ou empréstimos para estudantes, que pesa muito no seu bem-estar.

É por isso que o primeiro e mais importante passo para a vida minimalista é pagar todas as suas dívidas.

Em algum momento, você pode ter sido enganado por anúncios em cartão de crédito ou por um banqueiro dizendo para você tirar proveito de uma certa hipoteca, mas vamos deixar claro: não existe algo como “boa dívida”. Toda dívida é ruim, pura e simples.

Enquanto Joshua Milburn se preparava para uma existência minimalista, ele seguiu um orçamento rigoroso e passou dois anos economizando o máximo que pôde para pagar suas dívidas. Isso significava cem semanas sem férias, sem restaurantes e sem nenhum tipo de luxo. Mas valeu cada minuto pelo alívio que sentiu ao finalmente pagar suas dívidas. Agora ele estava livre para viver a vida que desejava.

Enquanto estiver organizando suas finanças, você também deve voltar sua atenção para reduzir a confusão de materiais.

Primeiro de tudo, é importante reconhecer que seus bens não são uma declaração significativa sobre quem você é como pessoa. Em vez disso, você deve se perguntar se seus pertences realmente o ajudam a viver no presente ou se eles o impedem de fazê-lo.

Por décadas, a mãe de Joshua Milburn tinha quatro caixas seladas em sua casa que ela nunca abriu. Eles continham todo pedaço de trabalho que John trouxera para casa da escola primária, desde testes de caligrafia a desenhos.

Millburn entendeu que ela estava guardando essas coisas em um esforço para segurar seu garotinho, mas as coisas queridas e significativas da vida não são objetos, são nossas memórias e relacionamentos. Isso não significa que você precisa jogar tudo fora, mas a mãe de Milburn poderia manter um desenho significativo em um quadro, em vez de quatro caixas fechadas.

Ao organizar, não apenas nos damos mais espaço físico para respirar, como também proporcionamos mais espaço para respiração mental. Ter objetos em toda parte disputando nossa atenção pode facilmente nos sobrecarregar mentalmente.

No próximo resumo do livro, veremos como seu corpo também pode ser organizado.

Minimalismo Ideia principal 3: Minimalismo também significa reduzir a quantidade de lixo que você coloca em seu corpo.

Não faltam dietas ou programas de condicionamento físico por aí. De fato, a enorme quantidade pode parecer esmagadora. Mas você pode evitar dietas da moda e correções temporárias reprogramando a maneira como pensa sobre seu corpo.

A partir de agora, pense nisso como uma máquina: quando você fornecer combustível de alta qualidade, permitirá que ele funcione no seu potencial máximo. Com esse estado de espírito, deve parecer óbvio que a comida lixo, como produtos processados ​​e pré-embalados, deve ser evitada.

Este tipo de alimento é cheio de aditivos e conservantes que agregam zero valor nutricional à sua dieta. Tudo o que eles fornecem são calorias vazias, especialmente açúcar, que são terríveis para sua saúde. Certamente, esses alimentos podem ter um bom sabor no momento, mas geralmente podem fazer você se sentir mal depois. Portanto, qualquer prazer temporário é superado pelos danos a longo prazo que podem causar à sua saúde física e ao seu humor.

Um bom regime de organização também deve incluir laticínios e pão.

Nós comemos trigo e leite pasteurizado por um período relativamente curto na história da humanidade – somente desde a invenção da agricultura. Nossos corpos nunca foram projetados para digerir as vastas quantidades de laticínios e pão contidos na dieta moderna média.

Portanto, se você tem intolerância ao glúten ou à lactose, pode se beneficiar com a redução desses alimentos e sua substituição por alimentos integrais naturais, como legumes, peixe e feijão. Depois de fazer esse ajuste em sua dieta, você logo encontrará um excesso de energia.

E isso é bom para o próximo passo: tirar o máximo proveito do seu corpo.

Fitness é algo que funciona melhor quando você tem uma mentalidade de crescimento constante, o que significa que você está sempre buscando mais do que a última vez – seja um tempo de corrida mais rápido, mais repetições ou pesos mais pesados.

Para adotar essa mentalidade, você precisa exigir mais de si mesmo. Para ajudar a fazer isso acontecer, você pode reprogramar seu pensamento de ” Eu deveria … ” para ” EU DEVO … ”

Não diga a si mesmo: “Eu deveria sair correndo três vezes esta semana;” em vez disso, diga “DEVO correr amanhã às 8h”

Com alguma persistência, você pode até fazer coisas novas.

Talvez você não possa fazer uma única flexão agora, mas provavelmente pode ficar pendurado na barra por 30 segundos. Então, faça isso e, amanhã, pendure por 40 segundos e continue fazendo mais até você aumentar a força do braço para fazer uma flexão.

Minimalismo Ideia principal 4: Mudança e aprimoramento não precisam afetar sua autenticidade; eles podem levar a melhores relacionamentos.

Amigos e entes queridos são importantes. Se você atualmente está se sentindo isolado ou infeliz com seus relacionamentos, pode ser hora para outra rodada de reprogramação, desta vez para se tornar mais aceitar de outros, bem como aparecendo mais aceitável para os outros.

O primeiro passo para fazer isso acontecer é ter vontade de mudar.

É inútil tentar mudar outras pessoas – na verdade, é cruel até tentar fazê-lo – mas é possível melhorar a si mesmo.

No entanto, você pode ser resistente à ideia de mudança se achar que não há nada de errado em ser seu “eu autêntico”. Mas é importante dar uma olhada honesta no seu comportamento e reconhecer quando você está fazendo algo que perturba as pessoas ou é um desvio.

Se você está insatisfeito por ser tímido, um ouvinte ruim ou acima do peso, não pense “esse é quem eu sou”. Em vez disso, faça algo a respeito e seja proativo em seu auto-aperfeiçoamento.

Mudar a si mesmo não está traindo sua autenticidade; é simplesmente uma maneira de atrair melhores relacionamentos. Você prefere ficar sozinho ou prefere trabalhar em si mesmo para ser um melhor conversador e uma pessoa mais atraente?

Outro caminho para o auto-aperfeiçoamento é aceitar mais pessoas com opiniões diferentes das suas.

Não pense que você deve encontrar alguém que pense e compartilhe as mesmas opiniões que você – isso é apenas mais uma falácia. Relacionamentos não são sobre Hobbies e gostos; eles são sobre amor, então você deve aceitar que as pessoas pensem de maneira diferente da sua.

Se mais pessoas tivessem a mente aberta sobre com quem se relacionavam, haveria muito menos pessoas solitárias no mundo!

Portanto, não apenas tolere e aceite os hábitos peculiares de seus entes queridos; respeite e aprecie-os!

Digamos que seu ente querido tenha um hobby que você acha irritante, como colecionar figuras de ação. Afinal, uma coleção tola não é o oposto da vida minimalista? Na verdade não, especialmente se eles obtiverem muito significado e prazer dessa coleção. Portanto, não os detenha; entenda que a coleção enriquece a vida de seu parceiro e, portanto, deve ser valorizada como parte do que faz dele a pessoa que você ama.

Com isso em mente, aqui estão as quatro etapas do método TARA para ajudá-lo a melhor tolerar, aceitar, respeitar e apreciar a pessoa com quem você está:

  • Tolerar seu hobby ou paixão únicos;
  • Aceite que sempre estará lá;
  • Respeite o esforço que seu parceiro coloca em seus passatempos;
  • Aprecie o hobby como parte da sua vida, porque é uma parte importante da vida do seu ente querido.

Minimalismo Ideia principal 5: Não deixe o trabalho defini-lo como pessoa.

Assim como vimos a importância de romper com a ideia de que dinheiro e trabalho são as coisas mais importantes da vida, também devemos evitar pensar que nossos empregos nos definem.

Pense desta maneira: você é uma pessoa complicada, com uma variedade de interesses e talentos, alguns dos quais ganham dinheiro, outros que custam dinheiro. Então você é muito mais do que apenas seu trabalho.

No entanto, é fácil cair na armadilha de deixar seu cargo definir você.

Muitas pessoas encontrarão um emprego em um determinado setor e sentirão que devem permanecer nesse setor pelo resto de suas vidas, como se isso fizesse parte de quem eles são. Mas lembre-se, um trabalho é apenas um trabalho. De fato, seu trabalho pode até ser uma âncora que o pesa.

Considere o seguinte: seu trabalho não é nem um dos cinco principais aspectos da vida. São eles: sua saúde, seus relacionamentos, suas paixões, seu crescimento pessoal e sua contribuição para a sociedade.

Estes são os aspectos da sua vida que fazem sentido para se comparar, não o seu cargo ou quanto dinheiro você ganha.

É por isso que você deve evitar a irritante pergunta de “Então, o que você faz?” Isso é frequentemente solicitado no início de uma conversa como se fosse a característica mais importante da vida de alguém e não apenas uma maneira diferente de perguntar: “Então, quanto dinheiro você ganha?”

Em vez disso, por que não perguntar a eles: “No que você gosta?” ou “Do que você é apaixonado?”

E se alguém lhe perguntar: “O que você faz?” você pode redirecionar a conversa dizendo algo como “Ah, eu faço muitas coisas, mas minha paixão atual é a jardinagem. E quanto a você?”

Minimalismo Ideia principal 6: Para obter mais liberdade, reduza sua dependência de dinheiro.

Um dos principais objetivos do minimalismo é gastar menos da sua vida trabalhando em um emprego. Naturalmente, isso significa encontrar maneiras de se tornar menos dependente de um grande salário.

Existem várias maneiras de ajudar com isso, incluindo aprender a fazer as coisas você mesmo, em vez de comprá-las, e vender a desordem desnecessária em sua casa. Mas a próxima reprogramação que você deve aprender é como viver com uma pequena renda.

O primeiro passo aqui é criar um orçamento mensal e cumpri-lo.

Portanto, comece fazendo uma lista de necessidades, que inclui todos os custos domésticos fundamentais, como alimentos, alimentos para animais, gás, eletricidade, seguros e transporte. Essas são necessidades básicas que precisam ser atendidas, portanto não há como contorná-las.

Em seguida, inicie uma segunda lista de desejos, que pode incluir categorias como roupas novas e entretenimento. Agora, no início de cada mês, separe seu dinheiro extra para que ambas as categorias recebam um orçamento. E para não quebrar o orçamento, você pode separá-los em diferentes contas de gastos.

Lembre-se de que cada real  do orçamento deve ser contabilizado. Portanto, se você se interessar pelo orçamento do entretenimento para comprar sapatos novos, terá que esperar até o próximo mês para ir a esse restaurante.

Para reduzir os ressentimentos e tornar as coisas justas, faça com que toda a família concorde com o orçamento. Como todo mundo tem a dizer, deve haver um sentimento de responsabilidade mútua em fazê-lo funcionar. Por exemplo, ao tornar as crianças parte do processo, elas saberão não se incomodar em tentar ganhar dinheiro extra para videogame quando esse dinheiro estiver sendo reservado para material escolar.

Mas ainda é aconselhável criar uma rede de segurança.

Depois de se preparar, você descobrirá que não é difícil viver confortavelmente com menos dinheiro, mas isso não significa que a vida não irá surpreendê-lo com algo inesperado, como uma doença ou o carro quebrando.

É por isso que é inteligente e sensato estabelecer um colchão/poupança de segurança de pelo menos R$1000,00  ( de 3 a 6 salários iniciais) . Você não deve fazer isso o mais rápido possível, mas também deve colocar o dinheiro em um local onde não seja fácil gastar.

Quando você estiver sem dívidas, poderá adicionar a essa rede de segurança. E com seus novos poderes de orçamento, você descobrirá que esse fundo pode crescer rapidamente.

Minimalismo Ideia principal 7: Tornar a vida mais gratificante e cheia de propósito, assumindo um trabalho difícil que contribui para a sociedade.

Então você cortou todas as suas âncoras e, finalmente, está livre de suas dependências. A única pergunta agora é: O que você fará com sua liberdade recém-descoberta?

Claro, você tem seus novos planos para ficar saudável, em forma e amigável, mas você não irá longe sem um forte objetivo em sua vida. E o verdadeiro propósito só vem de uma vida significativa que permite que você contribua ativamente para a sociedade.

Você pode pensar que doar dinheiro para uma instituição de caridade significa fazer o suficiente para a sociedade, mas você só pode ter sentido e propósito se estiver diretamente envolvido.

O que você certamente encontrará é que as atividades mais gratificantes são as mais desafiadoras.

Algumas atividades são fáceis, como ler no parque ou nadar na piscina, e embora as atividades fáceis sejam divertidas, elas não são muito úteis.

Atividades desafiadoras, por outro lado, podem nos fazer sentir desconfortáveis ​​enquanto estamos no meio delas, mas depois elas nos fazem sentir fantásticas. Isso pode incluir criar filhos ou correr uma maratona – há muitas dificuldades envolvidas, mas as recompensas fazem esses esforços valerem a pena e se tornam as experiências mais significativas em nossas vidas.

É por isso que esses são os tipos de eventos com os quais devemos procurar e construir nossas vidas, especialmente quando não apenas contribuímos para nossas vidas, mas para a sociedade como um todo.

Felizmente, não faltam instituições de caridade procurando voluntários para esse tipo de trabalho significativo, seja construindo casas acessíveis para os pobres ou transformando lotes vazios em hortas comunitárias. Este é um trabalho árduo, mas será extremamente gratificante quando você olhar para trás.

Você ainda pode tornar essas tarefas divertidas também.

Se você está construindo casas para os necessitados, há uma boa chance de alguns dias serem chuvosos ou frios, e o moral pode dar um mergulho, mas você pode se reunir para cantar músicas. Ou você pode ter um suprimento de emergência de chocolate quente.

Mas, diferentemente de um trabalho confortável no escritório, onde você pode nem entender como o seu trabalho contribui com algo de valor, esse trabalho difícil vem com um forte senso de propósito que facilitará muito os seus dias – não importa quão ruins sejam as condições pegue.

Em Revista: Resumo do Livro sobre Minimalismo

A mensagem principal deste resumo do livro:

Você não é o seu trabalho e não precisa de tanto dinheiro quanto pensa. Você pode reiniciar sua vida dispensando todas as “coisas” que você não precisa e os relacionamentos que estão arrastando você para baixo. Viver simplesmente o ajudará a se abrir e saborear uma vida mais significativa.

Fonte: adaptado do blog lifeclub.org, imagem Image by Michal Jarmoluk from Pixabay

porFernando Pinheiro

10 erros mais comuns ao utilizar crédito pessoal

Abaixo segue uma lista simples, que serve como lembrete, dos erros mais comuns na utilização do crédito pessoal, o qual pode se tornar um verdadeiro pesadelo para as famílias brasileiras.

1 – Não usar o crédito: crédito é uma bênção, desde que usado dentro do limite de orçamento, da capacidade de pagamento; possibilita desfruto de produtos e serviços que estariam inacessíveis sem ele;
2 – Emprestar nome a terceiros, mesmo para bons e velhos amigos;
3 – Decidir por impulso;
4 – Não pesquisar antes de comprar em pelo menos 3 empresas concorrentes, ou por sites como buscapé ou 1000 milhas os quais buscam por centenas de sites e lhe entregam o preço mais baixo cotado;
5 – Não ler contratos;
6 – Usar cheque especial;
7 – Usar crédito rotativo do cartão;
8 – Permitir acúmulo de dívidas;
9 – Esperar caducar uma dívida, a lei permite que seu nome saia das listas do SPC e SERASA, depois de 5 anos, mas se o credor entrar na justiça e o juiz entender por bem, você pode ter de vender seus próprios bens para quitá las.
10 – Não manter em mente uma porcentagem limite de endividamento. São felizes aqueles que tem compromissados apenas 30 ou 40% de sua renda com contas fixas e correntes.

Conclusão,

Ao ler os erros mais comuns sobre a utilização do crédito a tarefa pode parecer simples, no entanto, muitas vezes nos esquecemos destas pequenas diretrizes, em especial por não atentarmos que somos criaturas essencialmente baseadas em emoções, isto é, muitas de nossas decisões são realizadas não porque realmente analisamos todos os prós e contras de uma determinada compra ou aquisição de crédito, como parece, mais sim por fatores emocionais. Um livro bacana neste sentido que li ha algum tempo é o livro de Robert Cialdini o qual ensina como ser persuasivo sem se deixar influenciar.

porFernando Pinheiro

Educação Financeira: o acúmulo de dinheiro e posses não significa necessariamente inteligência.

Conheça a história do Oceano, do Rei e do Cavalo as quais ilustram como nossos desejos são insaciáveis e, mesmo que você tenha todo o dinheiro do mundo para gastar, ainda assim você corre o risco de não ser feliz e ser satisfeito.

Certa vez um menino ao chegar na Orla da praia visualizou um monte de lixo na areia e começou a refletir de como existe uma inteligência no oceano a qual nunca deixa acumular lixo em seu interior, tanto que pensou “o oceano é tão grande porque não deixa somente uma pequena parte do lixo no fundo do mar em vez de jogar na areia? porque se assim o fizesse, desde o começo de seu nascimento, certamente hoje o oceano estaria cheio até as bordas…

Assim devemos pensar em nossa vida financeira, em relação às dívidas…imagine se você aceitasse toda e qualquer mensalidade, que todo e qualquer vendedor conseguisse te empurrar um objeto ou serviço novo, como estaria sua vida financeira?

É certo que, principalmente entre aqueles que já vivem com muito pouco, somente o básico, adquirir um produto ou serviço os fazem sentir bem aumenta o conforto, a autoestima e, muitas vezes, passamos a ser respeitados e admirados perante novas aquisições que realizamos, mas o preço disso deve ser pesado a fim de que a capacidade de pagamentos não fique afetada.

Ainda, de forma complementar à história do Oceano, que nos ilustrou que devemos, de forma antecipada, não acumular dívidas em nossa vida financeira a fim de evitar acúmulos ao longo do tempo, podemos citar a história do Rei fraco, que não conseguia dizer não às suas esposas.
Ele tinha cinco esposas, todas elas viviam para que o rei pudesse as satisfazer, e, estando cheio de viver somente em função delas, convocou a população do reino para debater como se tornar um esposo que pudesse viver sem ter o incômodo de ter de satisfazer todos os desejos das mulheres o dia todo.
Então montou duas grandes tendas, uma ao lado da outra, e, na primeira, deveriam entrar aqueles que são dominados por suas esposas, a segunda aqueles que não são dominados pelas esposas, lembrando que o rei tinha cinco esposas. No final do experimento, quando a primeira tenda dos maridos dominados pelas esposas estava completamente cheia, o rei se dirigiu para a segunda tenda, a qual havia somente um homem, o qual, supostamente, sabia como lidar com a satisfação dos desejos de sua esposa. Quando inquirido sobre o que ele fazia para realizar tal façanha, o rei veio a descobrir que o cidadão estava ali mandado por sua mulher, e que preferia receber qualquer castigo do rei que não fosse encarar os olhos de sua mulher furiosa, caso trocasse de tenda…

As cinco mulheres poderiam ser comparadas aos nossos cinco sentidos:

visão >>> exige que somente as coisas mais belas seja, vistas, podemos colocar aqui as pessoas que amam viagens, paisagens deslumbrantes, praias paradisíacas, monumentos rochosos entre outros (me coloco aqui, pois tenho viajado 2x ao ano, para fora do país nos últimos anos);

audição>>> aqui podemos elencar as pessoas que gastam fortunas para ir a concertos, que vão à locais onde há shows ao vivo, compram assinaturas para ouvir as músicas mais doces, saudosistas etc;

olfato>>> aqui podemos colocar as pessoas que compram perfumes caros, que gostam de roupas sempre com os melhores amaciantes, que gastam bastante com perfumaria entre outros acessórios;

paladar>>> são as pessoas exigentes que compram os alimentos requintados, em boa quantidade com sabores deliciosos;

tato>>> são pessoas ligadas ao conforto de roupas sempre novas e macias, de roupas de cama fofas e sedosas, também aqueles que adoram a luxúria da sensualidade, a extravagância neste sentido;

Você pode estar se perguntando, “quer dizer que eu não posso experimentar ou usufruir nada disso?” não se trata do experimentar ou evitar ao máximo, mas sim não correr o risco de viver uma vida financeira saturada, no limite, somente para satisfazer os sentidos, isto é, evitar os gastos excessivos em um ou mais dos sentidos citados acima.

Esta parábola serve para ilustrar que devemos utilizar o intelecto, como diferencial do Homo sapiens, dos demais seres, a fim de direcionar ou focar em nossas metas e realizações de longo prazo, a fim de que os desejos não nos tomem 100% do tempo…
Os desejos em si também podem ser comparados a um cavalo, caso o cavalo, o homem como o montador. Se o cavalo não ser dominado, este poderá levar o homem à ruína, somente um cavalo adestrado que obedece o homem pode levá-lo onde quiser…assim deve o homem dominar seus desejos, em especial os animalescos, a fim de que estes
não o dominem…

há uma teoria em economia que retrata, basicamente, tal concepção…o custo de oportunidade, o custo de oportunidade pode ser traduzido no qual tudo o que você está fazendo agora, qualquer projeto que seja, uma empresa, um intercâmbio, um investimento, isto requer tempo, energia e capital os quais poderiam ter sido investidos em outra área, talvez gerando mais dividendos, mas você escolheu aquela que está fazendo agora. Isto se trata de custo de oportunidade

Aprender a viver com menos também é importante, conforme afirmou Timothy Ferris “menos é mais” isto significa que, por exemplo, menos posses, menos dores de cabeça e custos de manutenção, menos impostos a pagar.

Conclusão

Uma das maneiras mais sábias para o verdadeiro enriquecimento é o balanço entre aquisição de posses, gastos em satisfação dos prazeres com a multiplicação dos bens ou bom gerenciamento do capital que já temos em mãos ou buscamos conseguir. Muitas vezes, as pessoas pensam que a realização se dá somente no acúmulo, na satisfação dos desejos sem pensar que estes podem até mesmo aumentar com o tempo, independente da renda, isto é, não importa se você ganha R$1.000,00 ou R$10.000,00 os desejos sempre estarão presentes e poderão lhe exigir mais e mais dinheiro de sua parte. A dica é utilizar o intelecto e intuição para acumular conhecimento e/ou experiências não necessariamente materiais a fim de que os custos sejam mais leves e o impacto positivo na sua vida e dos outros ao seu redor continuem sendo grandiosos e geradores de bons dividendos.

porFernando Pinheiro

Educação Financeira: 30 táticas para melhorar sua renda

Há muitas pessoas que, diante de um problema, em especial financeiro e econômico, tristemente, não sabem fazer outra coisa senão reclamar. Tem muitas dificuldades em procurar soluções, em vez de problemas. Todos temos um pouco deste perfil. Isso pode significar baixo QI em Educação Financeira. Para melhorar isto, segue lista de itens, muitos dos quais etão ao alcance de qualquer pessoa, para incrementar a renda diante da Pandemia em que vivemos.

Não faz muitos dias onde li uma matéria a qual comentava de um sistema de redução de dívida que (supostamente) funciona como nenhum outro. Não pude deixar de rir. Afinal, eles fizeram parecer que existe algum tipo de bala de prata por aí que magicamente fará com que sua dívida desapareça – por uma taxa , é claro.

Adivinha? Não existe. Essa é a má notícia. A boa notícia é que, com um pouco de trabalho duro e foco, você pode fazer isso sozinho. A seguir, algumas táticas para que isso aconteça.

Segue lista de links com as táticas para você ir direto ao ponto que mais lhe atrair:

1- ficar fora de dívidas
2 – Pare de assumir novas dívidas
3 – Construa uma almofada/colchão
4 – Faça um inventário de suas dívidas
5 – Peça por ajuda
6 – Reduza sua dívida existente
7 – Acelere seus pagamentos
8 – Aproveite as ofertas de transferência de dívidas
9 – Faça uma venda de quintal ou comece a vender coisas no Mercado Livre e OLX
10 – Considere alugar um quarto para reduzir ainda mais suas despesas
11 – Escolha um trabalho ímpar para ganhar dinheiro extra
12 – Ganhe mais dinheiro com seu emprego atual …
13 – Encontre um novo emprego.
14 – Ganhe dinheiro extra ao lado com a vizinhança
15 – Consiga um segundo emprego.
16 – Entregue listas telefônicas.
17 – Faça trabalhos de jardinagem.
18 – limpar Casas ou escritórios.
19 – Melhore suas receitas fazendo preparação de impostos de renda
20 – Torne-se uma babá/tutor
21 – Aumente sua renda cuidando de animais.
22 – Torne-se um tutor.
23 – Ganhe mais ensinando um idioma.
24 – Torne-se um professor substituto.
25 – Torne-se um árbitro e consiga uma grana extra
26 – Faça web design freelancer.
27 – Faça alguma escrita freelance e complemente o orçamento doméstico.
28 – Inicie um blog em um nicho lucrativo.
29 – Seja pago para se inscrever em ofertas de avaliação.
30 – Maximize as recompensas do seu cartão de crédito.

1- ficar fora de dívidas (↑topo)

Reconheça o problema Pode parecer trivial, mas o primeiro passo para resolver sua dívida é admitir que você tem um problema. A menos que você esteja disposto a assumir sua situação e se comprometer a mudá-la, ficará endividado por muito, muito tempo. Se você é casado, agora é a hora de sentar e ter uma conversa sincera sobre dinheiro.

2 – Pare de assumir novas dívidas (↑topo)
Essa é uma pergunta difícil, especialmente se você se tornou dependente de cartões de crédito para sobreviver. Se você quiser sair do buraco, precisará parar de  cavar. Se você não tem dinheiro para pagar por algo, não compre. Se você precisar cortar seus cartões de crédito para que isso aconteça, FAÇA-O. Aqui, é importante entender por que você está tendo mais dívidas. Para alguns, é a emergência inesperada (veja a criação de uma almofada abaixo).
Para outros, é apenas um gasto excessivo constante. Uma solução é criar e seguir o orçamento temido.

3 – Construa uma almofada/colchão (↑topo)
Se você planeja viver sem crédito, precisará de uma almofada para lidar com despesas inesperadas – ou seja, um fundo de emergência . Especialistas em redução de dívida, como Gustavo Cerbasi , recomendam economizar 3  a 6 salários para os iniciantes. Obviamente, esse número pode variar dependendo das circunstâncias.
Se você é solteiro e por conta própria, provavelmente pode fugir com menos do que alguém com uma família.

Lembre-se, por mais importante que seja o seu fundo de emergência, você não deve exagerar. Construa-o, guarde-o em um banco local ou em uma corretora online, aplicado e siga em frente. Afinal, suas dívidas continuarão crescendo até você começar a acabar com elas.

4 – Inventário de suas dívidas (↑topo)
No interesse de desenvolver uma estratégia eficaz de pagamento da dívida, você precisa saber exatamente o que está enfrentando. Desenvolva uma lista detalhada de  quem você deve, quanto deve e as condições de pagamento associadas (por exemplo, pagamentos mínimos, taxas de juros etc.). Não deixe nada de fora.

5 – Peça por ajuda (↑topo)
Ligue para os credores da sua lista e pergunte se há alguma maneira de reduzir sua taxa de juros. Por mais  improvável que pareça, essa estratégia realmente funciona. Não, nem todos concordam com isso, mas alguns concordam. E o pior que podem fazer é dizer não. Lembre-se que pedir ajuda não é uma vergonha, mas antes sinal de humildade. A falta de humildade pode significar soberba e arrogância, que é considerado inclusive um pecado segundo textos bíblicos e hindus.

6 – Reduza sua dívida existente (↑topo)
Houve muito debate sobre as melhores estratégias de redução de dívida . Alguns dizem que atacam suas dívidas menores primeiro, enquanto outros dizem que se concentram naquelas com as taxas de juros mais altas. Adivinha? Como você faz isso realmente não importa. O importante é escolher um método e começar.

Para manter-se atualizado sobre todas as suas dívidas e, assim, evitar taxas desnecessárias, envie pelo menos o mínimo devido a cada credor todos os meses.  Depois disso, pegue o dinheiro que sobra e ataque o seu alvo número 1. À medida que suas dívidas começarem a derreter, você poderá direcionar mais e mais dinheiro para o seu próximo alvo.

7 – Acelere seus pagamentos (↑topo)
Se você chegou até aqui, está indo muito bem. Agora é hora de acelerar as coisas. Comece descartando todas as despesas recorrentes e discricionárias e reduza onde mais puder. Qualquer economia extra que você tiver deve ser direcionada para suas dívidas.

8 – Aproveite as ofertas de transferência de dívidas (↑topo)
Com intuito de conseguir novos clientes, alguns bancos compram as dívidas das pessoas a fim de trazerem para suas carteiras, já vi situações de pessoas economizarem 20% das dívidas simplesmente trocando o agente bancário. Isso pode funcionar porque, na troca, um banco paga a vista a sua dívida e a atualiza para um novo saldo devedor.

9 – Faça uma venda de quintal ou comece a vender coisas no Mercado Livre e OLX (↑topo)

Nos dois sites listados acima, há milhares de pessoas visitando as páginas procurando por pechinchas, em vez de comprar algo totalmente novo em lojas como Amazon, Americanas e Magazine Luiza. É aqui que você entra em cena

10 – Considere alugar um quarto para reduzir ainda mais suas despesas (↑topo)

Poco utilizado no Brasil, até porque é ilegal por aqui a sublocação, o aluguel, ainda que temporário de um quarto pode ajudar nas finanças, sites como Airbnb comercializam isso.

11 – Escolha um trabalho ímpar para ganhar dinheiro extra (↑topo)
Direcione quaisquer ganhos inesperados para suas dívidas Cada pedacinho ajuda.

12 – Ganhe mais dinheiro com seu emprego atual …(↑topo)
Um ponto lógico para começar ao tentar melhorar sua vida é se concentrar na sua linha de trabalho atual. Aqui estão três maneiras diferentes de obter mais do seu trabalho:

a) Peça por um aumento.

Uma das maneiras mais fáceis de ganhar dinheiro extra é obter mais pelo que você já está fazendo. Com isso em mente, você deve trabalhar  para se destacar no seu trabalho, criar um caso e depois pedir um aumento.

b) Posicione-se para uma promoção.

Outra ótima maneira de ganhar mais com seu trabalho é ser promovido a uma posição de remuneração mais alta.
Vá além do chamado do dever no local de trabalho e considere aproveitar todas as oportunidades de treinamento que encontrar. Empregos públicos passam a pagar mais com a apresentação de cursos e treinamentos, portanto, sempre mantenha-se aprendendo algo novo.

13 – Encontre um novo emprego (↑topo)

Uma ótima maneira de aumentar seu poder aquisitivo é obter uma oferta de emprego. Mesmo se for um movimento lateral, e especialmente se não for, trocar de emprego é uma ótima maneira de aumentar seu salário. Infelizmente, agora que a economia está em crise, provavelmente não é o melhor momento para pedir um aumento, pressionar por uma promoção ou procurar um novo emprego. Embora não possa doer tentar, talvez seja necessário procurar outro lugar na esperança de gerar renda extra.

14 – Ganhe dinheiro extra ao lado com a vizinhança (↑topo)

Há um número quase infinito de maneiras de gerar um pouco de dinheiro extra. Seja escolhendo um segundo emprego, fazendo serviços manuais pela vizinhança ou vendendo  coisas, você está realmente limitado apenas pelo seu tempo e imaginação.

15 – Consiga um segundo emprego (↑topo)
Enquanto o mercado de trabalho está apertado e cada vez mais apertado, conseguir um segundo emprego é uma maneira infalível de ganhar dinheiro extra.

16 – Entregue listas telefônicas (↑topo)
Sim, você leu certo, isto ainda existe a empresas de telefonia que não o fazem estão sendo reclamadas pelos consumidores. Você não ficará rico, mas não é particularmente difícil, e você pode fazê-lo em seu próprio tempo.

17 – Faça trabalhos de jardinagem (↑topo)
Mais e mais pessoas estão terceirizando seus cuidados com o gramado. Por que não pegar um pedaço da ação? Você pode ganhar alguns reais  e fazer exercícios de uma só vez.

18 – limpar Casas ou escritórios (↑topo)
Embora este tipo de terceirização não seja comum no Brasil, ainda há boas chances de realizar renda extra com tal atividade. Assim como cuidados com o gramado e remoção de folhas, há uma tonelada de pessoas por aí procurando ajuda em casa.

19 – Faça a preparação de impostos de renda (↑topo)
Empresas de contabilidade estão sempre procurando funcionários temporários durante a temporada fiscal. Você pode procurar alguns escritórios próximos de  sua casa e se informar.

20 – Torne-se uma babá/tutor (↑topo)
A babá pode ser bastante lucrativa – veja quanto as pessoas pagam babás – e também é muito flexível. Embora este papel, em geral, esteja restrito a mulheres, dentro das famílias, entre tios, primos e irmãos um homem também pode exercer o papel de tutor, porque não?

21 – Comece a cuidar de animais (↑topo)
Existem aplicativos especializados para pessoas que querem ajudar as outras pessoas a cuidarem de seus animais por um breve tempo e, ao mesmo tempo, serem remunerados por isso. Nesta matéria você pode ler que existem vários aplicativos para celular os quais facilitam este tipo de serviço.

22 – Torne-se um tutor (↑topo)
Você mora perto de uma escola ou faculdade? Existem assuntos em que você é particularmente bom? Nesse caso, considere aulas particulares em seu tempo livre.

23 – Ensine um idioma (↑topo)
Para aqueles que têm a sorte de serem fluentes em um segundo idioma, você pode ganhar dinheiro ensinando isso para outras pessoas. Em alguns casos,  as pessoas pagam até para conversar durante o café com um “parceiro de conversação”, fluente no idioma que está aprendendo.

24 – Torne-se um professor substituto (↑topo)
Dependendo da sua formação educacional, isso pode ser uma boa fonte de dinheiro, especialmente para mães caseiras que desejam voltar à força de trabalho,  mas desejam horas que acomodem seus filhos.

25 – Torne-se um árbitro (↑topo)
Árbitro de uma liga esportiva local. Por aqui, as ligas esportivas estão sempre procurando árbitros competentes. Geralmente, os jogos são  agendados em horário comercial e são muito bons. Jogos locais costumam pagar R$150,00 por jogo e jogos internacionais pagam em média R$3000,00

26 – Faça web design freelancer (↑topo)
Se você tem as habilidades necessárias, há vários recursos on-line para encontrar apresentações de web design. Se isso não funcionar, bata na porta da sua comunidade. Muitas empresas pequenas não têm muita presença na web e poderiam usar sua ajuda.

27 – Faça alguma escrita freelance (↑topo)
Como é o caso do web design, existem vários recursos on-line para ajudar outras empresas a criarem textos atrativos para seus produtos e serviços. Isso é conhecido como Copy Writer, um tipo de profissão nova em ascensão aqui nas terras brasileiras. Pesquise um pouco e veja se consegue  encontrar algo que atenda aos seus interesses.

28 – Inicie um blog em um nicho lucrativo (↑topo)
Este site é um excelente exemplo do fato de que você pode ganhar dinheiro com blogs. Não é fácil, mas definitivamente pode ser feito. Existem estratégias desde colocar à venda espaços publicitários como criar seus próprios conteúdos exclusivos, direcionados para o público que gosta de seu conteúdo.

29 – Seja pago para se inscrever em ofertas de avaliação (↑topo)
Sites como o hometester ou  Clube dos testadores pagam para você se inscrever para testes gratuitos – você sempre pode cancelá-los.

30 – Maximize as recompensas do seu cartão de crédito (↑topo)
Contanto que você mantenha um controle sobre seus gastos e verifique seu relatório de crédito gratuito, os cartões de crédito-recompensa são uma ótima maneira de gerar um pouco de dinheiro de reserva nas despesas diárias.
Aproveite os bônus de inscrição. Você pode facilmente obter bônus de inscrição que variam de R$5 ,00 a R$150,00 reais quando solicita um cartão de crédito ou abre uma conta bancária.

Conclusão

Há muitas outras opções de renda extra ou complementar que auxiliam na sua jornada em aumentar seu QI financeiro, mas, com certeza, a listagem acima já é um começo, até mais.

porFernando Pinheiro

Educação Financeira: conheça o tripé que a sustenta

Nesta matéria irei elencar o que poderia ser chamado de O Tripé da Educação Financeira, mostrando o que cada uma significa e como estas estão entrelaçadas entre si.

A questão de economizar foi amplamente discutida neste blog, esta pode ser verificada aqui, aqui e aqui.

Para enfatizar, é bom lembrar que, sem nenhum tipo de poupança, ficamos literalmente reféns de situações indesejadas como não poder pagar as contas, realizar uma comemoração, satisfazer pequenos mimos quiçá realizar sonhos, portanto, este fator é imprescindível e compõe uma das pontas do tripé.

Portanto, economizar, além de um comportamento sábio, evita frustrações e incômodos.

Outro fator é investir, pois somente guardar dinheiro, ainda que seja algo nobre e prudente, pode ser sinal de ignorância, uma vez que, dependendo de onde se guarda as reservas elas se deterioram, pois o fator da inflação corrói o poder de compra do indivíduo, sendo este obrigado a colocar suas reservas em investimentos que tendem a superar a inflação, como ações, fundos imobiliários e títulos públicos com juros semestrais.

Outra ponta do tripé é o fator gastar, pois, mesmo que haja pessoas advertindo para não gastar, isto jamais ocorrerá na Terra, uma vez que, assim como uma moto ou carro precisa de manutenção, as quais envolvem custos, também o corpo, para satisfação de suas necessidades básicas – ainda que o básico seja diferente de pessoa para pessoa – precisa, invariavelmente gastar. Agora, gastar com sabedoria, cujos desejos e satisfações poderão te levar a experiências enriquecedoras, juntamente com quem ama ou mais precisa, dá outro norte ao fator gastar, deixando-o nobre e expansivo.

Podemos colocar a imagem, em vez de um tripé, um ciclo, onde aqueles que conseguem viver abaixo de suas rendas, conseguem, ao mesmo tempo que gastam, investir. Ora, como uma pessoa conseguirá gastar sem ter renda ou uma renda que não consiga suprir suas necessidades? Há indivíduos que, ainda que haja mecanismos legais que suprimem a possibilidade de alguém gastar mais que 30% de sua renda, conforme verificamos nesta lei:

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/1950-1969/L1046.htm, cujo artigo 21 é expresso: “A soma das consignações não excederá de 30% (trinta por cento) do vencimento, remuneração, salário, provento, subsídio, pensão, montepio, meio-sôldo, e gratificação adicional por tempo de serviço.”

Ocorre que, boa parte dos brasileiros se endivida acima deste teto, com a somatória dos cartões de crédito e outros produtos financeiros.

Desta forma, economizar, gastar e investir se torna, portanto, um ciclo para poucos, um ciclo virtuoso.

Mas como fazer com que o tripé economizar, gastar e investir se torne realidade?

Uma das melhores maneiras para tal é o investimento na Educação, em especial na Educação Financeira, como um remédio de longo prazo. Há quem diga que o fator investimento se torna uma realidade, de verdade, para aqueles que tem renda acima de R$10.000,00 e não sou contra tal ideia, uma vez que com rendas inferiores a pessoa pode e deve testar investimentos, até onde consiga se aproximar deles, mas não verá muitos resultados enquanto não conseguir rendas superiores, uma vez que é notório que o rendimento dos investimentos seja proporcional ao volume do capital investido.

Conclusão

O tripé, que poderia ser chamado também de ciclo economizar, investir e gastar, é, na verdade um ciclo de prosperidade, que está restrito aqueles que tem educação financeira. O tripé não é uma resposta definitiva para uma vida abundante, até porque, como foi visto, a renda do indivíduo interfere principalmente no quesito investir o qual é tem relação direta em seus investimentos, podendo se mostrar com altos rendimentos ou até mesmo nulos.

 

porFernando Pinheiro

Saiba economizar mudando de conta tradicional para conta digital

Nesta matéria você irá aprender as diferenças entre deixar seu dinheiro nos contas bancárias tradicionais e contas digitais, bem como de que maneira utilizá-las em um planejamento financeiro. 

Bancos amam jovens universitários, pois estes têm pouco ou nenhum conhecimento de como os bancos trabalham e por isso conseguem incutir produtos e serviços financeiros sem muitos problemas neste público, que muito mais tarde irão conscientizar-se financeiramente.

Como os bancos conseguem lucrar?

Os bancos trabalham majoritariamente pegando dinheiro dos poupadores e emprestando para os deficitários, paga somente 5% de juros para quem deixa o dinheiro no banco, para os poupadores e exige 300% para quem usa o dinheiro do cartão de crédito, um ótimo negócio, um lucro de 600%

Outra maneira do banco lucrar são com as taxas, há taxas para saques, transferências, folhas de cartão de crédito, emissão de vias de cartão, não cobertura do limite de cheque especial, taxas de utilização do cartão ou saque no exterior e de praticamente todas as operações bancárias, algumas podem ser minimizadas por mensalidades fixas, o que não isenta as tarifas e taxas, apenas as diminui.

As taxas cobradas pelos bancos são mais importantes do que os juros, uma vez que estas podem ser consideradas “penalidades” por utilizações consideradas indevidas ou não usuais para o tipo de sua conta, como utilização do limite do cheque especial, saques no exterior, atraso no pagamento da fatura do cartão ou atraso no pagamento da mensalidade da conta. Uma única taxa pode somar R$100,00 como no caso de saques no exterior de uma conta aberta no Brasil.

Como se livrar das taxas e ainda conseguir algum rendimento com minha conta bancária?

Uma das melhores maneira de “burlar” tal tipo de taxas e tarifas, além de não sofrer com vendas casadas de outros produtos bancários a cada vez que precisar falar com um gerente, é a abertura das contas bancárias online.

Tais contas também são chamadas de contas gratuitas, dado que praticamente todas as operações são grátis. No Brasil, as mais populares são a Neon, Next, Inter, Nubank e Original.

Segue um comparativo de quanto você consegue poupar se colocar o dinheiro em um banco digital em vez de um banco tradicional.

Diferenças de rendimento entre banco tradicional e banco digital

 

Você economiza Banco Digital, rende

aprox. 4,5% ao ano

Banco Tradicional rende

0,5%  ao ano (quando têm)

R$1000,00 R$45,00 R$5,00
R$5000,00 R$225,00 R$25,00
R$10000,00 R$450,00 R$50,00
R$25000,00 R$1.125,00 R$125,00
R$50000,00 R$2.2250 R$250,00

Por isso, antes de abrir ou manter sua conta bancária no banco que utiliza hoje repense sobre tarifas, taxas, multas bem como a real valorização do dinheiro na conta, se é que apresente.

Como migrar de um banco tradicional para um banco digital

Atualmente é permitido, segundo o Banco Central, a portabilidade entre bancos, incluindo-se neste caso a portabilidade para banco digital.

Resolução de nº 4292 de 20 de dezembro de 2013 dispõe sobre a portabilidade de operações de crédito realizadas com pessoas naturais. Essa resolução altera a resolução nº 3.401, de 6 de setembro de 2006 e dá também outras
providências.

Vale ressaltar que um dos pontos negativos do banco digital é o não oferecimento de um ponto comercial, de um gerente presencial para tirar dúvidas, explicar um determinado serviço. Se você é familiarizado com comunicação remota e digital, isso não significa, realmente um entrave.

A forma de realizar tal operação de portabilidade é abrir uma conta no banco de destino, assim, com número da conta em mãos, basta se dirigir para para o banco de origem e assinar um termo de portabilidade. A operação pode ser realizada mesmo somente com o banco de destino, no entanto, a assinatura do termo se dará neste banco de destino que se encarregará de comunicar o banco de origem. Em todo caso, fale com seu gerente.

Até mais